Saiba Como Começar uma Plantação de Algodão

Plantação de Algodão

Iniciar uma plantação de algodão pode ser uma maneira de diversificar a produção em sua fazenda. Trata-se de um cultivo que oferece uma série de oportunidades de crescimento no mercado do agronegócio, o algodão tem elevada demanda e não exige um investimento tão grande. Continue lendo e entenda melhor como dar início a essa cultura.

Plantação de Algodão: Guia Completo de Como Iniciar o Cultivo

A seguir apresentamos um guia com dicas de como dar início ao cultivo de algodão em sua fazenda.

Preparando o solo

A etapa de preparo do solo é crucial para o sucesso da sua plantação de algodão, isso porque se reflete diretamente na germinação e desenvolvimento da planta. Observe que o solo que vem sendo utilizado há anos seguidos para uma mesma cultura deve receber aração para que esteja pronto para o início de um novo plantio. Quando o solo sofre com a presença de ervas daninhas recomenda-se que sejam feitas duas arações. Ressaltamos que não é indicado fazer mais do que duas arações.

No que diz respeito à profundidade a recomendação é fazer uma aração de 30 centímetros, observe que as raízes do algodoeiro ficam numa profundidade de 20 centímetros. Se a terra passa por cultivo contínuo é interessante que seja feita uma aração com mais profundidade a cada 5 anos para que se possa quebrar a crosta que se forma em uma profundidade de 30 centímetros. Romper essa crosta é essencial para que se crie mais movimento de água e ar no solo.

Cuidados com o solo de outras culturas

O preparo do solo que recebeu outra cultura anteriormente exige um cuidado extra que consiste em passar uma grade de discos ou um rolo-face para ajudar a apodrecer os restos que podem ter ficado no solo. Em áreas que antes eram de pastagem a recomendação é fazer primeiro uma aração rasa que seja seguida de uma gradeação para tornar melhor a decomposição do capim.

Espaçamento para o cultivo

Em termos de espaçamento a lógica que rege uma plantação de algodão diz que quanto menor for o desenvolvimento do cultivar mais fechado deverá ser o espaçamento e vice-versa. Sendo assim é necessário que o agricultor tenha uma ideia a respeito do desenvolvimento das suas plantas de acordo com as expectativas normais de maneira a se aproximar o máximo possível do ideal em termos de espaço. Ao longo dos anos seguintes é possível fazer as correções necessárias.

Para quem precisa de referências mais exatas podemos citar alguns estudos de observação de cultura de algodão que demonstraram que os melhores resultados conquistados se deram em locais que tinham espaçamento de cerca de 2/3 da altura das plantas. Vale dizer que esses estudos permitiram ainda detectar que espaçamento com menos de 2/3 da altura de distância não compensa pelo entrelaçamento das plantas que torna difícil a colheita.

Realize o plantio na época certa

As condições climáticas têm grande influência no sucesso ou não do cultivo de algodão, contudo, é importante salientar a importância de experimentar essa cultura para identificar como as condições do seu ambiente interferem com o sistema de cultivo. O período de semeação possui grande influência na maior ou menor incidência de pragas na sua plantação.

Estude a respeito das principais pragas que podem atingir a sua plantação de acordo com a sua região e assim encontre os melhores momentos para o cultivo de acordo com o uso de inseticidas para o solo e sistêmicos. Respeitar a recomendação da melhor época para o cultivo de acordo com as variações do clima da lavoura é importante para ter êxito.

Semeando o algodão

As sementes deverão ser alocadas entre 5 e 8 centímetros de profundidade para que possam ter mais oportunidades de germinar. Trabalhar com sulcos rasos é uma forma ainda de reduzir a umidade que pode trazer problemas como antracnose e rizoctoniose.

Nessa fase do cultivo é importante atentar para a questão da marcação das linhas básicas do seu plantio feito em nível. A média de sementes é de 30 a 40 por metro de sulco com cobertura de pouca terra, o agricultor irá despender 3 a 4 sacos por alqueire, no entanto, isso é importante para que não se crie lavouras com falhas.

Adubação

O adubamento pode ser feito em paralelo a semeação podendo ser realizada por adubadeira simples sendo de tração animal com estilo de uma linha ou então adubadeira maior que tenha a tração de tratores realizando o processo em duas ou mais linhas. Tenha atenção para que o adubo seja utilizado assertivamente em relação à semente.

Realização do desbaste

O processo que pode ser chamado ainda de raleação consiste em arrancar algumas plantas que são entendidas como sobra para que se tenha uma linha com uma quantidade razoável de plantas de maneira que todas possam crescer e se desenvolver com saúde. O ideal é realizar esse processo num período entre 20 e 30 dias após a planta ter sido semeada. Deixe uma média de 5 plantas de algodão em cada metro de linha.

Gostou de saber mais plantação de algodão? Deixe o seu comentário!