Embrapa: Conheça Seu Papel no Desenvolvimento da Agricultura e Pecuária Brasileira

O papel da Embrapa no Brasil
Qual o papel da Embrapa? Crédito da Imagem: http://www.totalbiotecnologia.com.br

Fundada em 26 de abril de 1973, a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) é uma instituição pública que tem como objetivo principal viabilizar o desenvolvimento sustentável da agricultura e pecuária no Brasil. Esses setores dependem de inovações tecnológicas que permitam tornar o trabalho mais prático e menos oneroso, algo que só é possível através de pesquisas.

Perfil da Embrapa

A Embrapa está vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e tem parceria com o Sistema Nacional de Pesquisa Agropecuária (SNPA) para o desenvolvimento de estratégias e tecnologias adequadas ao clima brasileiro. Nosso país, embora seja bastante adequado para práticas de agricultura e pecuária, tinha diversos obstáculos para conseguir uma produção relevante.

Sendo assim, a Embrapa assumiu a frente de pesquisa para desenvolver mecanismos apropriados para nosso clima tropical. O trabalho realizado pela instituição, junto aos seus parceiros, foi bastante significativo, uma vez que nossa agropecuária se tornou uma das mais eficientes do mundo, outros países tem o Brasil como um exemplo a ser seguido.

Sistema Nacional de Pesquisa Agropecuária (SNPA)

Para quem ainda não conhece o SNPA, é interessante explicar um pouco melhor a respeito do sistema do qual faz parte da Embrapa e, também, outras instituições focadas na realização de pesquisa para o setor agropecuário. Integram esse sistema universidades, instituições federais, empresas privadas, entre outros.

A união de diferentes instituições permite o desenvolvimento de pesquisas direcionadas para variados setores da agricultura e pecuária do país. A junção de conhecimentos é o que permite a inovação tecnológica.

Agropecuária Sustentável

A sustentabilidade sempre esteve na pauta da Embrapa, mesmo quando esse conceito não era um dos mais comentados do planeta. Podemos destacar como uma das mais inteligentes estratégias sustentáveis do setor de agropecuária nacional a transformação de uma extensa faixa de terras degradadas do cerrado brasileiro em terras produtivas. Para se ter uma ideia, essa região é responsável por mais da metade da produção de grãos do Brasil.

Brasil – De Importador a Exportador

A Embrapa tem grande importância não só para o setor de agropecuária em si, mas para a economia do Brasil. Antes das inovações propostas pela Embrapa, o Brasil era um país que dependia da importação de alimentos básicos. Ao longo das últimas décadas, a produção de carne suína e bovina foi quadruplicada e a de frango aumentou cerca de 22 vezes. O país deixou de ser um importador para atender a demanda de outros países como exportador.

Como a Embrapa Realiza o Seu Trabalho?

Certamente você já percebeu o quão importante é a Embrapa para a agricultura e pecuária do país, mas deve estar se perguntando de que forma ela atua ajudando no desenvolvimento desses setores. Para que seja possível levar o que é desenvolvido por meio de pesquisas para o campo, a instituição conta com uma estrutura organizacional fragmentada em partes.

Nessa estrutura estão as Unidades de Pesquisa, Unidades de Serviço e Unidades Centrais. Como subdivisão das unidades de pesquisa temos os Centros de Pesquisa da Embrapa que estão presentes em praticamente todos os estados do Brasil. As pesquisas desenvolvidas nesses centros têm abrangência nacional, não havendo, necessariamente, um foco local.

Atuação da Embrapa em Pesquisa e Desenvolvimento

Uma das funções para que a Embrapa foi criada em 1973 é para contribuir na antecipação de cenários preocupantes do setor agropecuário. Os projetos de pesquisa e desenvolvimento incluem uma agenda bastante variada na busca de soluções para problemas e inovações que permitam aperfeiçoar mecanismos já existentes. Porém, não existe atenção somente à tecnologia, a Embrapa também se preocupa em manter vivas as tradições de cultivo e manejo de animais que integram a cultura de comunidades brasileiras.

Atuação da Embrapa em Transferência de Tecnologia

Por ser uma instituição pública que tem como objetivo o desenvolvimento do país, a Embrapa, tem grande preocupação em trabalhar com a transferência de tecnologia. O conhecimento desenvolvido é construído junto com outras instituições – de diferentes perfis – que estão inseridas nesse mercado.

A preocupação está em fazer com que os produtores – desde os pequenos até as grandes empresas – encontrem meios mais sustentáveis de se manter no mercado. A preservação do meio ambiente é outra preocupação que norteia o trabalho da Embrapa.

Cooperação Internacional

A capacidade de geração de conhecimento da Embrapa é reconhecida no mundo todo e, por isso mesmo, a instituição possui acordos de cooperação internacional com países como França, Holanda, Inglaterra, Estados Unidos e Coreia do Sul. A instituição possui um escritório em Gana e no Panamá para compartilhar conhecimentos de desenvolvimento agropecuário com nações que enfrentam dificuldades financeiras no setor.

O Futuro da Embrapa

A Embrapa foi essencial para o desenvolvimento do Brasil no setor agropecuário nas últimas décadas e pretende manter sua relevância. O desenvolvimento de pesquisas continua ativo, assim como a preocupação com questões que serão levantadas futuramente. A agricultura e a pecuária são setores que demandam tecnologia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *