Curiosidades

A história do jeans e do country

Você gosta de usar jeans?
Confira a história do Jeans e do Country – Crédito da imagem: https://ryanvincephoto.wordpress.com

Já são mais de 140 anos desde que a calça jeans entrou para o mundo da moda. Começa ano, acaba ano e o jeans nunca sai de moda. Tanto é verdade que a peça está na nossa lista de tendências tanto para moda feminina quanto para a moda masculina .

A história da calça jeans se mistura com a história do velho oeste e do próprio Estados Unidos. Para que você em entenda essa conexão tão profunda, hoje vamos contar como o jeans se tornou muito mais do que um simples tecido. Continue acompanhando para saber mais.

A linha do tempo do jeans

A calça jeans, peça eleita pela publicação norte-americana “Time” como o melhor item da moda do século 20, foi criada e desenvolvida por dois imigrantes europeus que vieram para os Estados Unidos nos anos de 1800.

Um deles foi Claude Levi Strauss (1829-1902), um comerciante de origem alemã que fez sua história em São Francisco, na Califórnia. O outro foi Jacob Youphes (1831–1908), um russo, que quando chegou à terra do Tio Sam mudou seu nome para Jacob W. Davis. Os dois judeus são os criativos que patentearam essa peça icônica.

O primeiro passo em direção à grande invenção foi pensado por Levi Strauss. Ele criou uma peça feita com um tecido resistente o suficiente para os mineradores de São Francisco, que estavam aproveitando a época da corrida do ouro. Até aquele momento, a peça chamava “waist overalls”.

Então, é a hora do Jacob Davis entrar na história. Ele, que era costureiro, sugeriu rebites de cobres (aquelas tachinhas) nos bolsos para que as peças ficassem ainda mais fortes.

Foi depois de adicionar o reforço no artigo de vestuário, que Levi Strauss e Jacob Davis optaram por patentear a invenção.

No ano de 1890, a patente virou de domínio público e o nome 501 foi usado para diferenciar o modelo do Levi dos demais. Afinal, quando houve a possibilidade legal de fazer esses tipos de peça, a concorrência não perdeu tempo. Esse o modelo chamado 501 é uma homenagem ao número do primeiro lote de tecido encomendado por Levi.

Quer saber uma curiosidade? Foi só em 1922 que a calça jeans foi lançada com passadores para cinto.

Hall da fama

Com a crise econômica de 1929 nos Estados Unidos, a calça jeans modelo 501 virou sinônimo de uniforme de trabalho. E os que conseguiram continuar ricos começaram a usar o jeans como um vestuário especial para temporadas de turismo no campo.

Porém a bomba explodiu com a publicação norte-americana “Vogue”. A revista já era fabricante de tendências e publicou um anúncio que enaltecia a origem de velho oeste da calça jeans. Depois disso, o artigo de vestuário atraiu um público ainda maior.

Outro momento importante para o jeans foi quando James Dean (1931-1955) usou a peça no clássico filme “Juventude Transviada” (Rebel Without a Cause) de 1955. A calça praticamente faz parte do personagem de James na película e sua morte, no mesmo ano do lançamento, romantizou ainda mais a figura.

E não foi só James Dean que levou o jeans ao mundo artístico. Brigitte Bardot (nascida em 1934) e os escritores da geração beat também ajudaram nessa tarefa.

E, é claro, os filmes de faroeste têm papel importantíssimo nesse processo. Os clássicos filmes com Clint Eastwood (nascido em 1930), James Stewart (1941-2014), John Wayne (1907-1979) e Johnny Cash (1932-2003) provam isso.

Curiosidade: na Europa esse tipo de roupa só chegou com o fim da Segunda Guerra Mundial (1939-1945).

O jeans e o country

Como já dissemos, o jeans começou a ser vendido no velho oeste e foi usado majoritariamente no início por trabalhadores do campo. Além de ser uma pessoa comum e querida ao redor do mundo, o tecido está associado profundamente à cultura country.

Essa combinação “jeans mais fazenda” deu tão certo que atualmente é impossível assistir a um filme western, ir a um show ou balada sertaneja e não encontrar pessoas vestindo calça jeans. O artigo ajuda a completar de maneira prática vários tipos de composição de roupas.

Compondo o visual

As mulheres podem abusar do tecido jeans em vários tipos de peças: desde a clássica calça, vestidos até shorts. Vamos falar um pouco mais da minissaia que é um artigo de vestuário super importante para a história das mulheres e feita com jeans, ela adquire um charme adicional.

Essa peça pode ser combinada com uma camisa xadrez, botas de couro e um chapéu country. Pronto! Você estará pronta para qualquer balada sertaneja. Ah! E se não aguentar o salto da bota, procure por um modelo sem ele ou opte pelo tênis country.

Os homens também podem fazer diferentes tipos de composições. A começar pela calça jeans que pode ser combinada com uma camisa, botas de couro e o chapéu country. E se o dia estiver quente, é possível trocar a calça pelo shorts/bermuda jeans. Só tome cuidado para trocar a bota de couro por um tênis de estilo country. Dica: um cinto com uma fivela bem estilosa dá originalidade ao visual.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *