Dicas para deixar sua fazenda mais sustentável

O conceito de sustentabilidade rural tem se difundido ao longo dos últimos anos entre fazendeiros e produtores que buscam empreender em seu dia a dia um conjunto de técnicas que permitam preservar a natureza e utilizar os recursos de maneira inteligente. A seguir, veja algumas dicas que irão ajudar a levar esse conceito para a sua propriedade.

O que é sustentabilidade rural?

O conceito de sustentabilidade no âmbito rural possui três bases sólidas: respeito ao meio ambiente; desenvolvimento econômico e atenção às questões sociais relevantes. Dessa forma, o primeiro passo para ter uma fazenda mais sustentável é encontrar um meio-termo em que se obtenha maior produtividade com aumento dos lucros sem agredir a natureza e desrespeitar os direitos dos demais. A observação das questões relativas ao bem-estar dos funcionários e da comunidade também faz parte desse processo.

Dicas para que a fazenda se torne mais sustentável

A seguir listamos algumas dicas práticas que podem ajudar a tornar a sua fazenda mais sustentável, contudo, lembre-se que esse é um conceito implantado gradativamente: uma propriedade não se torna sustentável da noite para o dia.

1 – Prefira energias renováveis

Para tornar a sua fazenda mais sustentável e até mais econômica, é interessante substituir as fontes de energia não-renováveis por alternativas renováveis. Os combustíveis de origem petrolífera podem ser substituídos por outros, como biodiesel e etanol. Outra forma de se tornar mais sustentável é apostar no uso de placas solares para o abastecimento de energia para a sede, bem como outras instalações da propriedade. Saiba que, em termos financeiros, representará uma economia e tanto.

2 – Atenção ao descarte correto de embalagens e resíduos

Como é a rotina de descarte de resíduos e embalagens em sua fazenda? Essa é a questão mais proeminente quando se trata de poluição, uma vez que são poucas as propriedades que adotam um padrão para o descarte correto numa unidade de recebimento adequada. Já existe uma série de processos de reciclagem para esse tipo de item, no entanto, é fundamental que as embalagens cheguem até as unidades para o que o processo seja iniciado.

O descarte incorreto de determinadas embalagens e resíduos pode acarretar na contaminação do solo, bem como dos lençóis freáticos. A fazenda é uma das primeiras a ser afetadas por tal atitude, uma vez que o solo pode se tornar impróprio para o plantio e a água não poder ser utilizada para irrigação.

3 – Cuidado com o desperdício

Um dos principais motivos que levaram a humanidade à situação-limite em que se encontra em termos ambientais foi a falta de cuidado com o desperdício de recursos naturais, como a água. Existe uma falsa ideia de que sempre haverá água, porém, se o consumo continuar nesse ritmo as próximas gerações podem enfrentar longos períodos de seca.

No âmbito da sustentabilidade rural, deve-se observar o uso consciente dos recursos ambientais. Utilize apenas o necessário para a sua produção, tudo que for utilizado além disso se torna prejuízo. Otimizar processos como a irrigação, por exemplo, pode contribuir também para reduzir os custos gerais da sua propriedade.

4 – Alternativas aos agrotóxicos

O combate a pragas nas plantações é imprescindível, no entanto, é fundamental ficar atento a uma questão bastante relevante: o uso persistente de agrotóxicos pode ser extremamente prejudicial para o meio ambiente, além de contaminar a água e o solo. É possível utilizar alternativas naturais para se ver livre de pragas, para isso recomendamos que sejam estudadas estratégias como o uso de insetos, adubos verdes, entre outros. Para encontrar uma solução pertinente, conte com o auxílio de especialistas.

5 – Rotação de cultura e de pastos

Essa é uma técnica bastante antiga de manejo que ainda hoje pode se mostrar útil para aumentar a produtividade da sua propriedade rural. Revezar o tipo de cultura plantada no solo é uma forma de permitir que ele se recupere renovando seus nutrientes e reduzindo, assim, a necessidade do uso fertilizantes e agrotóxicos químicos. Em relação aos pastos, é interessante utilizar essa técnica de manejo para que os animais não pisoteiem sempre o mesmo solo, retirando as suas propriedades naturais. Quanto mais se preserva do solo natural, melhor.

6 – Use a tecnologia a favor da sua propriedade

Uma estratégia bastante inteligente em relação à sustentabilidade em fazendas é utilizar a tecnologia a seu favor, isto é, encontrar métodos que permitam a otimização de alguns processos, tornando-os mais assertivos e sem a necessidade de serem repetidos inúmeras vezes, gerando desperdício de recursos e prejuízo. Ser sustentável é bom para o meio ambiente, mas é ainda melhor para a sua propriedade. A engenharia genética, sistemas inteligentes de irrigação e desenvolvimento de adubos específicos permitem trabalhar com um grau de assertividade que não era obtido anteriormente.

Gostou de saber como tornar a sua fazenda mais sustentável? Deixe seus comentários!