Curiosidades sobre o Blue Heeler, o cachorro perfeito para fazenda

cachorro blue heeler pastoreiro

Tudo sobre o Blue Heeler, o cachorro pastoreiro (Foto: Shutterstock)

Os cães de pastoreio tem recebido cada vez mais destaque como ajudantes no dia a dia do trato com os rebanhos. Uma das raças que tem sido percebida com bom potencial para tal atividade é a Australian cattle dog que é chamada popularmente de Blue Heeler. Trata-se de um cão que realiza qualquer tipo de atividade de fazenda bem como tem boa resistência e jeito para o manejo de rebanhos.

Se você está pensando em ter um Blue Heeler como seu ajudante na fazenda vale a pena conferir as curiosidades que listamos abaixo.

Curiosidades sobre o Blue Heeler

– Por que Blue Heeler?

A raça recebeu esse apelido por em muitos casos pastorear os rebanhos cutucando os animais pelos calcanhares (heel em inglês). Dependendo da cor dos seus pelos podem ser também chamados de Red Heeler.

– Cor azul

Mesmo que o nome mais difundido dessa raça seja Blue Heeler é mais fácil encontrar os indivíduos Red. Isso acontece porque para ter a variação azul é necessário que o animal tenha dois genes azuis.

– Genética para o trabalho

O desenvolvimento dessa raça se deu exatamente porque fazendeiros australianos necessitavam de um cão capaz de domesticar o gado selvagem e que suportasse as condições climáticas extremas do país. A história do Blue Heeler teve início nos primeiros anos de 1800 quando um fazendeiro realizou o cruzamento entre as raças Blue Smooth Highland Collies com os Dingos.

Ao longo dos anos outros fazendeiros foram promovendo o cruzamento dos Heelers com outras raças ajudando a construir a sua genética de força e disposição. Esses cães podem trabalhar de 15 minutos a 16 horas desde que sejam respeitados os seus intervalos para descansar.

– Mancha branca na cabeça

Credita-se a mancha branca na cabeça desse animal a um macho chamado Bentleydog que foi um dos primeiros componentes da linhagem de Heelers.

– Fidelidade

Essa raça é reconhecida por sua extrema fidelidade ao seu dono.

– Rabo

O rabo do Blue Heeler tem grande relevância quando se trata de observar a sua capacidade de pastoreio. Ele é um indicativo de como o animal se dará na atividade de cuidar do rebanho. O rabo serve para dar equilíbrio no momento em que o animal vai fazer as suas viradas.

Basta olhar para o rabo desse cão para saber se ele está ou não confiante na sua atuação. Não se deve cortar o rabo de um Blue Heeler – contudo, muitos donos mal informados cortam – ele deve ter a forma de um pincel e ir até o jarrete. O rabo aceito no registro oficial de características dessa raça não pode ser grosso.

– Altura do Blue Heeler

Apesar de existir uma preferência por cães mais baixos é importante destacar que no pastoreio quanto mais longilíneo mais ágil é o animal. O padrão de altura fica entre 46 e 51 centímetros para os machos e para as fêmeas a estatura fica entre 43 e 48 centímetros, essa estatura lhes confere imponência para que possam ajudar a cuidar dos rebanhos.

– Temperamento

Um cão pastor de gado precisa ser resistente, cheio de energia e incansável, pois precisará estar a par de todos os movimentos do rebanho. Essas são as principais características do temperamento do Blue Heeler que foi criado especificamente para ajudar nas fazendas. Uma dica para os criadores é exercitar tanto o corpo quanto a mente do cão lhe oferecendo desafios mentais.

– Passeios constantes

Um animal que tem como característica central ser incansável exige muita atenção do seu dono de maneira que somente leva-lo passear não é o suficiente. É importante que o dono faça brincadeiras com ele especialmente se o cão não for criado em ambiente de fazenda.

– Crianças

O hábito de mordiscar calcanhares pode acabar extrapolando o pasto, alguns cães Blue Heeler acabam fazendo isso com crianças que estão concorrendo por confundi-las com o rebanho. Contudo, esse é um cão que se dá muito bem com famílias podendo ser também um cão doméstico. Nesse caso é essencial ter tempo para dedicar ao desenvolvimento de atividades.

– Expectativa de vida

O Blue Heeler tem expectativa de vida entre 10 e 13 anos.

– Principais doenças que acometem o Blue Heeler

Esse é um cão que pode apresentar como principais problemas de saúde Displasia de Quadril (uma doença muito séria que exige cuidados para que o animal não perca a capacidade de andar), surdez além de atrofia progressiva da retina. É interessante manter em dia os exames do seu Blue Heeler incluindo especialmente os de olhos, quadril e ouvidos.

Agora que você conhece melhor os cães da raça Blue Heeler certamente já sabe que eles são perfeitos para te ajudar na realização das tarefas da fazenda. Pastorear o gado com um cão fiel e cheia de energia como esse é uma forma de realizar o seu trabalho com muito mais gosto.

Conheça alguns de nossos produtos!