Músicas Sertanejas
Música

Top 30 – Músicas Sertanejas Antigas

Músicas Sertanejas
30 músicas sertanejas antigas para relembrar

As músicas sertanejas antigas têm um lugar de honra no coração dos apaixonados pelo universo country no Brasil. No começo do século passado, em torno de 1910, alguns artistas começaram a desenvolver o estilo musical que se tornaria o mais popular no novo século. Os cantores sertanejos que estão nas paradas musicais atuais têm como primeira inspiração as canções abaixo. 

Top 30 músicas sertanejas antigas 

A seguir listamos 30 músicas sertanejas antigas que ainda são sucesso e não podem faltar na sua playlist

 

1 – Tristeza do Jeca (1918)

A música Tristeza do Jeca, composta por Angelino de Oliveira e interpretada por Tonico e Tinoco, foi eleita a Melhor Música Caipira de Todos os Tempos pela Folha Ilustrada, em 2009.

2 – O Menino da Porteira (1973)

Um dos clássicos mais populares da música caipira, a canção O Menino da Porteira foi composta por Luizinho e Teddy Vieira e gravada pela primeira vez pela dupla Luizinho e Limeira. Foi regravada por Sérgio Reis, Tonico e Tinoco, Tião Carreiro e Pardinho, Daniel, entre outros.

3 – Chico Mineiro (1958)

A canção, composta por Tonico e Francisco Ribeiro, conta a história do corajoso Chico Mineiro pela perspectiva de seu irmão. 

4 – Cabocla Tereza (1936)

A canção Cabocla Tereza é uma das principais da dupla Raul Torres e Florêncio e conta sobre um homem que coloca fim à vida de sua amada pelo simples fato de que ela não o quis. 

5 – A Moda da Mula Preta (1945)

Um clássico da música sertaneja é uma composição de Raul Torres. Foi gravada pela primeira vez pela dupla Torres e Florêncio.

 

6 – Luar do Sertão (1914)

Composta por João Pernambuco e Catulo da Paixão Cearense, tem uma das versões mais conhecidas na voz de Pena Branca e Xavantinho. 

7 – Rio de Lágrimas (1972)

A moda de viola Rio de Lágrimas foi composta por Piracy, Lourival dos Santos e Tião Carreiro e se tornou sucesso na voz de Inezita Barroso. 

8 – Pagode em Brasília (1960)

A animada canção Pagode em Brasília, composta por Teddy Vieira e Lourival dos Santos, fez grande sucesso nas vozes da dupla Tião Carreiro e Pardinho.

9 – Moda da Pinga (1955)

Conhecida principalmente na voz de Inezita Barroso, a música Moda da Pinga, também conhecida como Marvada Pinga, é uma composição de Ochelsis Laureano e Raul Torres.

10 – Saudade da Minha Terra (1966)

Saudade da Minha Terra é uma composição de Goiá e Belmonte. Fez sucesso pela primeira vez nas vozes de Belmonte e Amaraí.

 

11 – Estrada da Vida (1980)

A famosa música sertaneja Estrada da Vida, composta por José Rico, é uma das principais canções da sua dupla com Milionário.

12 – É o Amor (1991)

A canção alcançou o primeiro lugar nas rádios no começo dos anos 1990 e alavancou a carreira de Zezé di Camargo & Luciano.

13 – Pensa em Mim (1990)

Composta por Douglas Maio, José Ribeiro e Mario Soares, chegou ao sexto lugar nas paradas de sucesso nacionais com a dupla Leandro & Leonardo.

14 – Evidências (1990)

A dupla sertaneja Chitãozinho e Xororó fez grande sucesso com a música Evidências, do álbum Cowboy do Asfalto, que ganhou disco de Platina.

15 – Panela Velha (1983)

Conhecida na voz de Sérgio Reis, a canção Panela Velha é uma composição de Celmar Gomes de Moraes.

16 – Fio de Cabelo (1982)

Grande sucesso de Chitãozinho & Xororó, Fio de Cabelo faz parte do álbum “Somos Apaixonados”, que vendeu mais de 1,5 milhões de cópias.

17 – Ainda Ontem Chorei de Saudade (1988)

João Mineiro & Marciano gravaram um dos clássicos da música sertaneja. Ainda Ontem Chorei de Saudade é uma composição de Moacyr Franco.

18 – Fuscão Preto (1981)

A música Fuscão Preto ficou conhecida na voz do Trio Parada Dura. É uma composição de Atílio Versutti e Jeca Mineiro.

19 – Eu me Amarrei (1995)

A dupla João Paulo & Daniel fez grande sucesso na década de 1990. A música Eu me Amarrei faz parte do sexto álbum da dupla, que vendeu mais de 250 mil cópias.

20 – Nuvem de Lágrimas (1990)

Outro sucesso de Chitãozinho & Chororó, Nuvem de Lágrimas foi regravado por diversos artistas, como Fafá de Belém e a dupla da atualidade César Menoti & Fabiano.

21 – Boate Azul (1963)

Esse clássico sertanejo foi composto por Benedito Seviero, um dos maiores compositores da história desse gênero musical. Voltou às paradas na década de 2000, na voz de Bruno & Marrone.

 

22 – Couro de Boi (1954)

Moda de viola composta por Palmeira e Teddy Vieira, faz uma reflexão sobre a forma como os filhos tratam seus pais quando eles se tornam idosos.

 

23 – Coração de Papel (1967)

A canção de José Roberto ajudou a mudar o rumo da carreira de Sergio Reis, de cantor da Jovem Guarda para artista sertanejo.

 

24 – Ela é demais (1998)

Um dos maiores sucessos da carreira de Rick & Renner é uma composição de Elias Muniz.

 

25 – Sapato 42 (1961)

Uma moda de viola clássica composta por Caetano Erba e que foi sucesso na voz de João Mulato e Douradinho.

 

26 – Rei do Gado (1961)

Composição de Teddy Vieira e que se tornou sucesso nas vozes de Tião Carreiro & Pardinho.

 

27 – Seu amor ainda é tudo (1986)

Composição de Moacyr Franco e que se tornou sucesso nas vozes de João Mineiro & Marciano.

 

28 – Você vai ver (1994)

A canção, que é uma das mais famosas da carreira de Zezé di Camargo e Luciano, foi composta por Carlos Colla e Elias Muniz.

 

29 – Boi Soberano (1961)

Uma composição de Carreirinho que foi gravada por Tião Carreiro & Pardinho.

 

30 – Amanheceu peguei a viola (1978)

Composta por Renato Teixeira, essa música é um clássico sertanejo.

 

Gostou de relembrar os sucessos? Qual considera mais marcante? Confira as outras matérias do nosso Blog e viaje pelo mundo country!

Imagem: https://www.shutterstock.com/

4 Comments

  • Mario Beloti

    Eu gosto muito de músicas sertanejas e mexicanas, desde 1954, quando conheci o rádio com bateria e que pesava em torno de 10 kilos. Eu me lembro pois ouvia rádio tupi 1440 k herz se não me falha a memória.

  • Mario B

    Eu gosto muito de músicas sertanejas e mexicanas, desde 1954, quando conheci o rádio com bateria e que pesava em torno de 10 kilos. Eu me lembro pois ouvia rádio tupi 1440 k herz se não me falha a memória.

  • Mario Celestino Beloti

    Eu gosto muito de músicas sertanejas e mexicanas, desde 1954, quando conheci o rádio com bateria e que pesava em torno de 10 kilos. Eu me lembro pois ouvia rádio tupi 1440 k herz se não me falha a memória.

  • ELI BRAZ DA SILVA JUNIOR

    Opa bao! bao tb. Valeu demais pelas modas que estão postadas aqui. Todo goiano como eu adoram uma boa sertaneja. Por aqui as crianças já nascem em duplas.. Rsrs. Na verdade é bom ver que ainda existem pessoas que se dedicam a conservar nossas raízes. Parabéns por compartilhar e vamos rompendo…..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *