Como Cuidar da Crina do Seu Cavalo

Como cuidar da crina de seu cavalo

Os cuidados com crina de cavalo são essenciais não somente por uma questão estética, mas também porque contribuem para a saúde do animal. Quando essa parte do equino não é devidamente higienizada pode abrir precedentes para uma série de infecções com micro-organismos como bactérias, por exemplo. Os criadores de cavalo devem estabelecer uma rotina de cuidados de limpeza com os animais que irá se refletir em cavalos mais bonitos e saudáveis.

8 dicas de cuidados com crina de cavalo

Você tem dúvidas sobre quais cosméticos para cavalos usar em seus equinos? Sabe quais são os cuidados mais relevantes para que seus animais mantenham os pelos da crina brilhantes e protegidos de bactérias? Continue lendo e confira as 8 dicas que listamos para cuidar bem da crina dos seus cavalos.

1 – Penteando a crina do cavalo

A limpeza do equino deve começar pela sua crina que é o ponto mais alto, assim os resíduos de sujeira são removidos do topo para a parte mais baixa. Para realizar esse processo de limpeza, o criador deverá pentear a crina do equino com uma escova ou um pente que sejam adequados para tal tarefa. 

É importante que a escova ou pente não tenham cerdas muito duras e que não sejam usados com agressividade, isso pode irritar o animal e deixá-lo difícil de controlar durante a limpeza. Os pelos da crina deverão ser divididos em mechas, penteie uma mecha de cada vez do topo para as pontas. O movimento de pentear tem como objetivo remover os resíduos de sujeira acumulados entre os pelos, a crina ficará leve no decorrer do procedimento.

2 – Desembaraçador de crina funciona como condicionador

Se ao começar a pentear a crina do seu equino você sentir que os pelos estão embaraçados, recomendamos o uso de um desembaraçador ou creme condicionador, esses cosméticos para cavalos assumem a função de um condicionador humano. Basicamente, são produtos que tornam os pelos mais maleáveis permitindo que a escova e o pente deslizem com mais facilidade. É interessante ter esse cuidado para não puxar os pelos do cavalo, isso pode irritá-lo. 

3 – Banho com shampoo

Quando o cavalo está precisando de um banho completo e tem sol e calor, você pode lavar a crina com shampoo para equinos. Mas, atenção, é fundamental usar produtos desenvolvidos especialmente para cavalos, pois eles possuem fórmula que não causa reação alérgica. 

Tem várias opções como shampoo com citronela para eliminar e proteger os animais do ataque de pulgas, carrapatos e moscas; opções de shampoo para cavalos de cor clara que evitam o amarelamento dos pelos e shampoos focados na limpeza profunda e na eliminação do excesso de óleo e sujeira, como os de coco. 

É essencial que você use luvas para aplicar o shampoo no corpo todo do cavalo, esfregando com um pouco mais de atenção a sua crina. Massageie os pelos da crina, se desejar pode aproveitar enquanto o shampoo estiver aplicado para pentear com o pente ou escova desembaraçando os pelos.

4 – Banho somente com sol e calor

Essa recomendação é fundamental, jamais dê banho completo no cavalo se não tiver sol e calor. Se o equino demorar muito para secar pode ser prejudicado pelo frio e ainda ficar nervoso. Durante os meses de inverno, a dica é lavar somente as patas, crina e cauda para não ter que deixá-lo molhado. Nessa época, os cosméticos já mencionados como desembaraçadores e shampoos, assim como os utensílios como escovas e pentes são muito bem-vindos. 

5 – Familiarize o cavalo com os produtos cosméticos

Permitir que o cavalo cheire os produtos cosméticos que serão usados nele torna mais fácil realizar a aplicação. Inicialmente, o cavalo pode estranhar o cheiro de shampoos ou desembaraçadores, por exemplo, então ao deixar que ele conheça o perfume fica mais simples que ele aceite a aplicação. 

6 – Aplique repelente

Para finalizar a limpeza da crina e do cavalo como um todo aplique repelente para protegê-lo de moscas, mosquitos, borrachudos, pernilongos entre outros insetos que podem se tornar um verdadeiro tormento para os equinos. Tem opções com base de citronela, cravo e com fórmulas não oleosas

7 – Deixe o cabresto folgado

Lavar a crina do cavalo é uma tarefa que exige muita paciência e a certeza de que o animal vai se sentir incomodado. Para evitar acidentes, é importante deixar o cabresto preso com folga, pois mesmo que o equino realize movimentos bruscos dificilmente irá se machucar.

8 – Posicione-se ao lado do cavalo

Ao realizar tarefas de limpeza dos seus cavalos, posicione-se sempre ao lado deles e jamais atrás. Essa recomendação é especialmente válida para quando estiver realizando a limpeza da crina e da cauda, pois são áreas muito sensíveis e qualquer toque mais forte pode irritar o cavalo acarretando num coice, por exemplo. 

Gostou dessas dicas de como cuidar da crina dos cavalos? Deixe seus comentários abaixo!