Curiosidades

Conheça o Working Cow Horse

Working Cow Horse: Modalidade esportiva do mundo coutry
Conheça a modalidade esportiva Working Cow Horse – Crédito da Imagem: http://www.calgarystampede.com/

O mundo country é repleto com vários tipos de competição e o Working Cow Horse é uma delas. Working Cow Horse ou “reined cow horse” como é também chamada, é uma prova de concentração e controle. Ela consiste em ensinar ao cavalo como controlar um boi.

Quem é o responsável pela modalidade no Brasil é a Associação Nacional de Working Cow Horse e nos Estados Unidos é a National Reined Cow Horse Association. Falaremos mais dessas duas organizações abaixo.

Quer saber mais sobre o assunto? No post de hoje vamos explicar mais sobre a modalidade e contar como ela funciona. Acompanhe!

Definição da modalidade

Os cavalos que executam essa prova podem ser chamados de “cow horses”, ou “reined cow horses”, ou “stock horses” ou simplesmente de “working cow horses”. Todos os nomes trazem o sentido de dominação do cavalo sobre o boi. Porém, como sabemos, o cavalo é um animal que transmite imponência, então ele deve primeiro obedecer ao peão, sem nunca deixar de exercer o controle sobre o rebanho.

Na competição Working Cow Horse, o peão deve exercer suas habilidades de domação de cavalo para que este siga suas ordens e controle o bovino. E para que o cavalo siga as instruções do cavaleiro, é preciso muito treino e que os dois estejam em máxima sintonia. Vamos falar mais disso abaixo.

Durante a prova, o cavalo deve ser guiado para apresentar movimentos pré-estabelecidos e manobras específicas que visam manter o controle de um único boi na arena. Entre as ações obrigatórias estão estas: fazer círculos em volta do bovino, executar giros de maneiras bem precisas e manter controlar o animal de forma padronizada.

Importância da sintonia

A harmonia do peão e do seu cavalo deve ser um fator constante em todas as provas de rodeio que possam envolver o equino. Falamos bastante disso nesse post sobre a prova Laço Comprido. E a alimentação e cuidados também são pontos essenciais para manter um bom relacionamento entre o dono e o animal.Quando o animal e o cavaleiro estão em sintonia fica mais fácil treinar e mostrar todo o potencial na arena.

Como funciona a competição

Para que tanto o cavalo quanto o cavaleiro estejam aptos a praticar a prova é preciso que os dois tenham treinado em atividades como rédeas e apartação.

Já dissemos por aqui que a prova Working Cow Horse é sobre habilidade e dominação. Pois então, as etapas que a permeiam seguem exatamente essa definição. O cavaleiro e o cavalo são julgados em todas as partes que compõe essa prova.

Logo no início da prova, na primeira prova, o domador deve guiar o cavalo com mudanças de mão, esbarros e spins (giros). A avaliação recai sobre a liderança e controle exercidos no cavalo.

Depois disso, chega a hora da competição chamada de “fence work”, ou “trabalho de cerca” em tradução livre para o português. Nesse momento, um boi finalmente é colocado na arena, o grande palco do peão. Aí começa a dominação! O cavalo deve controlar o boi na ponta final da arena. Só após isso que o equino deve guiar o caminho do boi, que deve ficar sempre próximo à cerca. Isso precisa ser feito de um modo em que o boi fique girando nas duas direções.

Na última e mais importante parte, o equino precisa movimentar o boi para que ele chegue ao centro da arena. E para que isso aconteça corretamente, é preciso fazer círculos ao redor do boi nas duas direções.

Pontos a serem julgados e penalidades

O júri irá avaliar o cavaleiro e o cavalo. Os pontos avaliados serão o manejo correto do tempo (timing), precisão dos movimentos, obediência do cavalo quando guiado pelo trabalho de rédeas, habilidade e o famoso “cow sense” ou “senso de rebanho” em tradução livre para o português. Esse último é apresentado quando o cavalo tem a percepção do boi.

A pontuação é de 0 a 100 para cada parte da competição. E 70 é a nota média.

As penalidades irão ocorrer quando o cavalo e o domador não conseguem exercer o controle do bovino. A demonstração de um comportamento agressivo por parte do equino também pode resultar em penalidade.

Associação Nacional de Working Cow Horse (ANCH)

Aqui no Brasil já existe uma organização que sustenta a propaganda e a consolidação do esporte no País. Conheça a Associação Nacional do Working Cow Horse ou somente ANCH, que tem como objetivo fortalecer o esporte no cenário brasileiro e estimular novos competidores e apreciadores.

National Reined Cow Horse Association (NRCHA)

A organização National Reined Cow Horse Association ou simplesmente NRCHA é o braço do governo dos Estados Unidos que controla a modalidade de Working Cow Horse no país norte-americano. Formada em 1949 e com sede no estado do Texas, o grupo é responsável por fazer a publicidade responsável do esporte, manter os altos padrões de competição e educar os membros e o público em geral sobre a história, importância e a tradição do Working Cow Horse.

One Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *