Descubra Como Preparar um Tereré

Que tal aprender a preparar tereré para refrescar os dias de calor? A bebida é popular na região centro-oeste, guarda algumas semelhanças com o tradicional chimarrão do sul e é servida gelada. O preparo deve seguir algumas regrinhas para que o resultado tenha sabor e deixe seus dias muito mais gostosos. Pronto para prepará-la?

Dicas Para Preparar Tereré

A seguir você terá acesso a um verdadeiro guia de como preparar um bom tereré para deixar os seus dias de calor muito mais refrescantes, além de conhecer as diferenças dele em relação ao chimarrão e saber como escolher a sua guampa (cuia de tereré) e a bomba. Essa bebida é perfeita para os dias mais quentes por ser preparada e consumida fria. Vamos começar?

Diferenças Entre Tereré e Chimarrão

As principais características do tereré são o preparo a partir de infusão de erva-mate em água fria e o uso da erva mais grossa, para não entupir a bomba. Nas lojas e sites especializados nesses produtos você encontra as duas opções de erva-mate.

Além da água e da erva-mate é possível adicionar limão, hortelã e outros ingredientes ao tereré — outra diferença em relação ao chimarrão, que não leva nenhum outro ingrediente. Por fim, destacamos que o chimarrão deve necessariamente ser preparado na guampa, enquanto o tereré pode ser feito num copo convencional. Tanto o chimarrão quanto o tereré têm origem indígena, ou seja, são um traço cultural que deve ser valorizado.

Dica – Se a bomba de tereré ficar entupida é um sinal de que a erva é de má qualidade pois tem muito pó.

Itens Necessários Para Preparar o Tereré

Basicamente você precisará de um copo (se quiser, pode usar uma guampa), a bomba, uma jarra de água fria e a erva-mate de tereré. Novamente, ressaltamos que existem diferenças entre as ervas de chimarrão e tereré, portanto, compre a específica para o preparo da última.

Passo a Passo de Preparo de um Tereré Perfeito

Seguindo os passos abaixo você terá preparado um saboroso e perfeito tereré.

  • Passo 1 – Tenha a mão o copo (ou guampa), a bomba e a erva-mate. No copo ou guampa coloque 2/3 de erva-mate para tereré.
  • Passo 2 – Deite o copo lateralmente, de maneira que a erva-mate fique toda de um lado e, com a bomba, pressione a erva para que ela se mantenha firme e não preencha o espaço destinado à água. Os especialistas no preparo de tereré costumam deixar o chamado “topete”, uma sobra de erva na parte de cima do copo ou guampa. No entanto, saiba que você só conseguirá fazer isso com perfeição depois de algum tempo de treino.
  • Passo 3 – Por fim, chegou a hora adicionar a água fria à erva-mate de tereré. Incline o copo de maneira que a erva-mate continue concentrada num dos lados e mantenha a bomba dentro do copo. Adicione a água da jarra no espaço entre o copo e a erva. Nunca jogue a água em cima da erva, pois isso é o que causa entupimento da bomba.

Escolhendo a Bomba de Tereré

O papel da bomba é filtrar a infusão para que não ocorra a absorção do pó da erva triturada. Geralmente as bombas são feitas de alumínio. Na hora de escolher, evite as de ferro devido ao processo de oxidação que pode alterar o sabor final da bebida. Quem tiver mais orçamento para investir na sua bomba de tereré poderá encontrar lindas peças de ouro, prata ou aço inox.

Guampa

A guampa é a cuia do tereré, peça fabricada a partir de chifre de boi. Esse recipiente é bastante popular nos estados do centro-oeste do Brasil, assim como em alguns países vizinhos como Argentina, Paraguai e Uruguai. Tanto a guampa como a bomba de tereré podem ter ornamentação com símbolos, pedras e nomes dos donos das peças.

06

Há diversas histórias e lendas a respeito da invenção do tereré, contudo, a que mais tem crédito é a que afirma que a bebida surgiu durante o período da Guerra do Chaco, entre os anos de 1932 e 1935. De acordo com a história, as tropas que estavam na região de Ponta Porã, Mato Grosso do Sul, teriam começado a beber a infusão fria para não ter que acender o fogo e chamar, assim, a atenção dos inimigos.

Gostou de conhecer mais sobre a bebida refrescante de erva-mate? Que tal começar a preparar em casa?