De pai para filho: cantores e duplas sertanejas que herdaram o talento dos pais

cantores-sertanejos

Nos últimos tempos, diversas duplas sertanejas compostas por filhos de cantores já estabelecidos no gênero vêm surgindo, provando que talento também pode ser hereditário. Algo interessante de observar é a mescla entre as novidades desse segmento musical e a fórmula de sucesso dos veteranos. Vamos conhecer algumas dessas duplas, compostas por filhos de cantores de sucesso, afinal, filho de peixe, peixinho é!

Vitor & Vitória

Os filhos de Hudson, da dupla Edson e Hudson, formam uma dupla desde que Vitor tem sete anos e Vitória nove. Contudo, o sucesso chegou mesmo na adolescência, com 16 e 18 anos de idade, respectivamente, Vitor e Vitória lançaram um CD e um DVD ao vivo, enveredando pelo caminhos das duplas sertanejas atuais, que misturam o ritmo com o pop.

Uma curiosidade é que nesse trabalho a dupla regravou o sucesso “Dizem que eu mudei”, de Edson e Hudson. O álbum também conta com a participação da dupla Bruninho & Davi na canção “Santos ou Guarujá”.

Pedro & Thiago

Pedro, filho de Leonardo, e Thiago, filho de Leandro, iniciaram uma carreira musical em dupla no ano de 2010. Não demorou para o primeiro hit “Toque de Mágica” ser emplacado nas rádios de todo o Brasil, contudo, mesmo tendo boa repercussão, colocaram um ponto final na parceria em 2013. A justificativa foi o desejo de Pedro de ser apresentador de televisão.

Sandy & Junior

A dupla pop composta pelos filhos do cantor Xororó, da dupla Chitãozinho e Xororó, não poderia ficar de fora desta lista, pois, mesmo não cantando sertanejo, foram os precursores para todos os outros. Certamente, é a prova de que o DNA da fama ajuda a alavancar o talento.

Donos de hits como “Quando você passa (Turu Turu)” e a “A Lenda”, Sandy & Junior dominaram o cenário musical brasileiro entre os anos 1990 e 2007. No ano de 2019, retornaram aos palcos para comemorar os 30 anos de carreira, chegando a atingir a marca de 500 mil ingressos vendidos com a turnê, “Nossa História”.

Day & Lara

Uma das novas duplas sertanejas de maior destaque dos últimos anos no feminejo, Day & Lara contam com toda a experiência de Camargo, da dupla Cleiton & Camargo, pai de Dayane. Lara também se inspirou em seu pai, pois quando ele tinha apenas 12 anos de idade formou uma dupla com seu irmão. As duas jovens conseguiram unir belos timbres e a roupagem moderna ideal para conquistar os fãs.

Dentre os grandes sucessos da carreira das amigas estão “Até ex duvida”, em parceria com Maiara e Maraisa, e “Meu coração não chora, urra”, em que contaram com a participação de Gusttavo Lima. Com álbuns de relativo sucesso no mercado, a dupla é uma das mais promissoras para a renovação do sertanejo. Daqui algum tempo com certeza será uma das duplas sertanejas em rodeios com maior público.

Zé Felipe

Dentre os cantores de sertanejo, filhos de grandes estrelas do gênero, não podemos deixar de mencionar Zé Felipe. O jovem, que é filho do cantor Leonardo, vem fazendo muito sucesso entre os fãs mais jovens do estilo musical. A carreira começou com uma participação do goiano no DVD “Leonardo 30 anos”, como uma homenagem ao seu pai.

O primeiro single lançado, “Saudade de você”, chegou à impressionante marca de 65 milhões de visualizações no YouTube. Provando não ser cantor de um hit só, lançou logo em seguida “Você não vale nada”, outro grande sucesso.

Em homenagem ao pai, integrante de uma das melhores duplas sertanejas de todos os tempos, lançou o álbum “Na mesma estrada”, que fala sobre a longa trajetória de Leonardo, sua grande inspiração.

Gabriel Sater

Além de ser muito parecido fisicamente com seu pai, Almir Sater, Gabriel também é cantor e ator, reconhecido por seu talento nas duas áreas. Depois de estudar muito durante sua adolescência, resolveu se profissionalizar na música com 18 anos de idade.

Com apenas 19 anos, em 2000, ganhou seu primeiro prêmio da carreira. Estreou como ator na novela em forma de fábula “Meu Pedacinho de Chão”, da Rede Globo, a convite do diretor da produção, Luiz Fernando Carvalho.

Enzo Rabelo

O mais jovem dessa lista, Enzo Rabelo, filho do cantor Bruno, da dupla Bruno & Marrone, entrou na pré-adolescência e é um grande sucesso no YouTube. Quando tinha apenas 10 anos, gravou um clipe bem produzido para o hit “Meio Caminho Andado”, composta para ele.

O pai participou ativamente da realização desse sonho do filho e mostrou como a influência de duplas sertanejas antigas pode ser usada de forma muito positiva em carreiras futuras.

Quando você pensa em duplas sertanejas 2019 de sucesso, certamente acaba se lembrando de alguns dos nomes citados neste artigo, provando que o sucesso não resulta apenas do nome dos pais famosos, mas também do talento de cada artista. Gostou de saber mais sobre eles? Deixe seus comentários!