Por que investir em haras é um bom negócio?

haras-de-cavalo

Um haras de cavalo pode se tornar um negócio bastante lucrativo em médio e longo prazo, sobrepondo inclusive a criação de equinos. Espaços com boa estrutura para hospedagem de animais alheios, pistas para prática esportiva e espaço de lazer têm grande potencial para se consolidar em um mercado que ainda não é tão competitivo.

Haras de cavalo: é realmente uma alternativa lucrativa?

O mercado de cavalos não passou pelas mesmas dificuldades que outros setores passaram devido à crise econômica vivida por nosso país nos últimos anos. Contudo, mais lucrativo do que ter bons cavalos à venda é ter um espaço destinado aos apaixonados pelo trato e convivência com os equinos. A tendência para os próximos anos é diminuir a quantidade de cavalos, em contrapartida ao aumento da qualidade dos animais.

Isso é um reflexo da mudança de pensamento desse segmento, os equinos estão sendo cada vez menos procurados para trabalhos de lida no campo e mais utilizados em atividades de lazer e competições. A demanda criou a necessidade por raças de cavalo mais tradicionais para a realização de atividades hípicas esportivas. Um dos fatores de impulso desse mercado tem sido a paixão pelo hobby de criação dos equinos.

Espaços para competições e eventos

Para ter um negócio realmente lucrativo, a dica é ter um haras de cavalo com estrutura adequada para receber eventos e competições. A pista precisa ser de qualidade, não sofrendo com eventuais chuvas e tornando-se, assim, mais segura para os competidores e seus animais. Também é importante ter vestiários confortáveis para os competidores e investir em uma área de baias adequada para o bem-estar do cavalo.

A maior competitividade do setor tornou os clientes mais exigentes com questões antes despercebidas. Por exemplo, não era incomum haras sem área de alimentação para os participantes e seus familiares. Hoje em dia, não é possível pensar em montar um espaço para essa finalidade sem considerar a funcionalidade para os espectadores. A experiência dentro do haras fideliza os clientes, quando se oferece momentos positivos para quem procura a estrutura, é mais fácil conseguir alavancar a lucratividade.

Parcerias

Os haras podem se tornar ainda mais lucrativos observando seu potencial para estabelecer parcerias com fornecedores de produtos focados em saúde do cavalo, alimentação, entre outros.

As marcas podem ter lojas próprias dentro do haras ou apenas espaços expositivos. Além disso, é possível fechar acordos de divulgação interna das empresas em troca do recebimento de mantimentos para os equinos. Quem tem perfil empreendedor e ama cavalos pode se dar muito bem à frente de um haras.

Leilões

A realização de leilão de cavalo pode aumentar o reconhecimento do haras como um espaço especializado em equinos, assim como aumentar o fluxo de caixa. A recomendação, nesse caso, é contar com o auxílio de profissionais gabaritados na área para a escolha de animais de qualidade reconhecida e voltados para os principais interesses dos investidores de leilões.

Por ser um mercado que exige bastante dedicação, a criação de cavalos para venda pode ser realizada por meio de parcerias com criadores especializados, o haras se torna apenas um espaço viabilizador. Alguns empresários gostam da ideia de poder criar seus próprios cavalos vencedores, então, pode ser interessante ter a criação como um segundo braço do empreendimento.

Um haras com boa estrutura permite a criação, mas há outras formas de fazer o negócio se tornar lucrativo, valendo se concentrar nelas para se consolidar no mercado. Faça um bom plano de negócios antes de começar a sua atuação em um setor competitivo como o de equinos.

Comprando um haras

Gostou da ideia de investir em um empreendimento desse tipo, mas não quer começar do zero? A dica é começar a pesquisar por haras à venda, como mencionamos, alguns espaços mais antigos no mercado não contam com a estrutura exigida pelos frequentadores e isso faz com que alguns empresários prefiram vender a investir em reformas e ampliações.

Faça visitas em diferentes momentos do dia, com sol e com chuva, para saber quais são as reais condições do espaço. Assim, fica mais simples fazer um planejamento quanto a uma reforma e mudanças relevantes. Mesmo adquirindo uma propriedade mais alinhada com as necessidades dos frequentadores, vale a pena fazer uma reforma para deixar com o visual da sua marca. Ter uma identidade reconhecida entre os clientes também contribui para se fixar no mercado.

Segurança

A segurança do cavalo, bem como dos frequentadores do haras, precisa ser uma questão prioritária. A estrutura deve passar por manutenções frequentes para se ter certeza de sua resistência. Além disso, é uma maneira de assegurar a saúde dos equinos circulantes do haras, uma estrutura mal cuidada pode se tornar uma abertura para a incidência de diferentes doenças.

Gostou de saber mais sobre a potencialidade de um negócio como um haras de cavalo? Pensa em empreender nesse ramo? Deixe seu comentário abaixo!